Dançar quadrilha é um dos pontos altos de uma festa junina. A foto mostra um grupo se apresentando
Foto: Rooswelt Pinheiro/ Agência Brasil

Dançar quadrilha é um dos momentos mais esperados de uma autêntica festa junina. Mas você conhece os passos característicos dessa dança de casal?  Hoje nós vamos explicar quais são eles!

Antes, porém, é válido lembrar que, em festas juninas, as quadrilhas prestam uma espécie de homenagem aos santos católicos (Santo Antônio, São João e São Pedro), além de simbolizar um gesto de agradecimento pelo êxito na colheita.

Vale lembrar que a única regra é que essa é uma dança de casal, mas os organizadores são livres para definir o número de participantes. A única eventual limitação, nesse sentido, é o espaço onde será realizada a apresentação.

Uma figura essencial é a do (a) narradora (a), pessoa responsável por transmitir os comandos aos participantes. Entenda agora quais são eles!

1. Balancê

Como o próprio nome sugere, a proposta do balancê é que dama e cavalheiro balancem o corpo a cada vez que o locutor solta esse grito. O balancê também pode ser executado individualmente, quando um dos parceiros estiver fazendo um outro comando.

2. Tour

No tour, a proposta é que o casal dê uma volta pela pista onde é realizada a dança. O cavaleiro põe a mão na cintura da dama, enquanto ela toca no ombro do parceiro.

3. Cumprimentos

Entusiasmou-se e decidiu dançar quadrilha? Os cumprimentos são um dos momentos mais tradicionais da apresentação. Primeiro, o cavalheiro reverencia a sua dama.

Ele deve se ajoelhar (ou fazer um movimento que simule essa intenção) para, em seguida, fazer um aceno com o chapéu. Na vez delas, elas devem caminhar rumo ao seu parceiro e cumprimentá-lo. Para fazer um gracejo, a dama pode, suavemente, levantar a barra de sua saia.

4. Grande Passeio

No grande passeio, os casais estão de mãos dadas (a direita do homem e a esquerda da mulher) e caminham em sentido circular. Enquanto a música toca, eles fazem movimentos com os braços.

5. Troca de damas e cavalheiros

O rito de troca de damas começa com o cavalheiro uma posição à frente da sua dama. O comando se repete até que ele passe por todas as meninas e volte ao seu lugar de origem, ao lado de sua parceira de dança. O mesmo acontece na troca de cavalheiros.

6. Damas ao centro

Como o nome sugere, neste comando as damas formam uma roda no centro da pista. Ao redor, os cavalheiros fazem outro círculo. Todos giram para o mesmo sentido, a esquerda.

7. Olha a cobra / a ponte caiu / olha a chuva

Na hora de dançar quadrilha, estes comandos sinalizam que o sentido da caminhada deve ser invertido. Assim que o narrador usar alguma dessas expressões, os participantes devem esboçar algum espanto. Depois, para voltar ao normal, é utilizado algum outro termo, como “é mentira”.

8. Olha o túnel

Dama e cavalheiro ficam frente a frente e esticam os braços para o alto até que suas mãos se toquem. O casal a direita atravessa o túnel e se posiciona no final da fila. O procedimento se repete até que todos os pares tenham passado.

9. Despedida ao dançar quadrilha

Na despedida, os casais formam uma fila e encerram no ritmo do galope, cumprimentando a plateia. Em algumas celebrações, os músicos seguem tocando e a pista é aberta a quem quiser dançar.

Gostou do nosso guia com os principais passos para dançar quadrilha? Para fazer bonito, esteja devidamente caracterizado. Visite a loja física da Pedagógica e conheça nosso acervo de fantasias! Aproveite também para ler o nosso post com dicas de decoração para festa junina! Até a próxima!